0   

Desculpe Mas Vou Falar – de novo – ‪#‎StopTheBeautyMadness‬

 

Esse texto escrevi no dia seguinte ao post anterior, na minha página pessoal do Facebook. Quero deixar aqui registrado também, pra mim mesma, pra me lembrar que considerei importante me expressar em relação a isso diante da idiotice que vi se transformar o movimento ‪#‎StopTheBeautyMadness‬.

Acho lamentável ver que a sociedade de um modo geral (e mais doloroso ainda, mulheres) estejam usando a tag para chamar as outras de feias, estragadas, tribufús e coisas do gênero. Não acho engraçado, acho estúpido, apenas.

01

Vamos lá, mais dez centavos meus sobre o assunto ‘publicar foto sem maquiagem’. Em algum momento indeterminado, perdido na tradução, o movimento acabou ganhando o status de “Desafio”. Não é bem por aí, gente. Não tem nada a ver com ‘quero ver se tu tem coragem de aparecer embarangada na internet’.

Percebem o erro? A essência do Manifesto é justamente o contrário disso; é convidar suas amigas a revelar, da forma mais natural do mundo, sua imagem sem artifícios de maquiagem e filtros fotográficos. É dizer que é ok; que todo mundo tem pele desigual, olheiras, rugas, espinhas, marcas. É ok, é normal, é humano.

Assim como também é okay gostar de usar maquiagem no dia a dia, porque pele natural não é uma bandeira de libertação, do mesmo jeito que rosto maquiado não é um decreto de prisão aos padrões de perfeição. Às vezes é só questão de gosto pessoal, e respeito à vontade dos outros é uma coisa que deveríamos aprender cedo na vida, mas nem sempre rola, não é?

Autoestima é um assunto bem sério. Vai muito além de não gostar de usar shorts porque a perna está branca ou ficar no dilema ‘devo ou não usar regata sem sutiã’. Algumas pessoas (um número muito maior do que a maior parte de nós pode imaginar) tem problemas seríssimos com o que veem refletido no espelho. Essas pessoas se envergonham diante daquilo que tem de mais sagrado nessa vida sobre a terra: seu próprio corpo. Partes dele.

São histórias tão tristes como a da garota que me procurou por email, contando que tinha deixado de ir à escola, por vergonha das marcas que a acne lhe causou. Ou da mulher que não usava batom porque não gostava dos risquinhos na sua boca. Sim, porque essa pessoa olha no espelho e não vê um ser humano, ela vê risquinhos gigantes na boca. Vê melasmas de óculos, vê flacidez usando brincos.

Por isso, quando a gente que ama e vive e trabalha e respira maquiagem publica uma imagem sem ela, a intenção não é fazer um cabo de guerra de coragem e ver quem ganha a aposta, mas mandar um recado de humanidade para milhares de mulheres – NO MUNDO – que um dia foram levadas a pensar que perfeição existe e que SÓ ELAS não foram agraciadas com esse presente.

Não meninas, ninguém é perfeito, nem nós, nem vocês, nem as modelos, nem as rycas, ninguém. Perfeição é uma régua que ganha a dimensão que você dá e às vezes a gente erra feio nessa medida.
Maquiagem não é mocinha e nem bandida. Aparecer publicamente sem ela não é um Desafio, é só uma tentativa de demonstrar que, abaixo de camadas de base e corretivo, existe um fator em comum a todas nós, um componente fundamental: uma mulher que merece ser feliz sem paranóia.
#‎StopTheBeautyMadness



 
08.09.2014
beleza comportamento
0   
Se gostou desse post conta pros amigos!
Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someone
 
 

 
0   

Pare a Loucura pela Beleza #stopthebeautymadness

 

Fiquei muito feliz quando recebi a indicação feita pela Victoria Siqueira, para que eu participasse do movimento #StopTheBeautyMadness. Como muitos de vocês já sabem, participo também do #TerçaSemMake, criado pelas meninas do GWS – Girls With Style, que tem em comum com o manifesto Stop the Beauty Madness o desejo genuíno de despertar em nós, mulheres, um olhar mais humano e bondoso em relação a nossa própria imagem e das pessoas em geral.

10626550_897485780279671_2293776886996666970_n

Dizem que a gente ensina melhor aquilo que mais precisa aprender. No meu caso, é a mais pura verdade. Como tive oportunidade de dizer em outras ocasiões, repito agora; maquiagem e vaidades em geral são, pra mim, uma rota de fuga. Não da realidade em si (dessa ninguém consegue fugir por muito tempo), mas uma pausa pra respirar colorido em um mundo real onde a crueldade tem seu contraste preto no branco bem marcado. No momento em que pinto o rosto, não me sinto mais poderosa ou inabalável. É só uma casquinha, um verniz de diversão, praticamente a mesma coisa que eu sentia ao fazer duas maria-chiquinhas na infância.

 

Acho fantástico como um pingo de corretivo e um rímel podem fazer sorrir instantaneamente mulheres que nunca tinham se visto “bonitas” no espelho. Um nadinha, sabe, e a pessoa se admira, feliz. Que mal há nisso?

 

O mal está nos outros. Passei da fase de culpar só a mídia. O que veio primeiro, o padrão de perfeição inalcansável exibido ou o julgamento ‘inocente’ daqueles que dizem que a Fulana se chama Raimunda (a feia de cara e boa de… vocês sabem). Feia comparada a quem? Bonita baseada em quê?

 

Todas as tentativas publicitárias que vi, que tentaram usar imagens mais realistas, foram criticadas pela ‘falta de cuidado’. Você pode fazer uma campanha assim, da mulher real, desde que deixe EXPLÍCITO, que aquela é uma campanha feita com mulheres reais, com uma bandeira bem à vista. Experimente pegar uma mulher real e colocar em uma campanha tradicional. O cliente até pode aprovar, mas e o público? Pessoalmente já ouvi críticas sobre a falta de cuidado de uma marca de maquiagem deixar evidentes os poros das modelos. Onde já se viu, não é mesmo um absurdo, uma mulher COM POROS anunciando maquiagem?!

 

Não serei hipócrita: odeio sim minhas olheiras, detesto as marcas de expressão, sou a eterna caçadora do colágeno perdido, o que isso diz sobre mim? Pouca coisa, só que uso corretivo sempre e uns cremes aí. Que me submeto a procedimentos estéticos pra conseguir uma pele boa. Porque eu quero ter. Eu também queria ter 1,75 de altura, mas não há nada que eu possa fazer a esse respeito. Em relação a uma pele melhor eu posso tomar algumas atitudes, é isso que eu faço.

 

Eu amo maquiagem, mas é bem provável que se você me encontrar no shopping, num final de semana preguiçoso, eu esteja só com um rímel e um coque podrinho. Porque sim, porque não é todo dia que quero brincar.

 

Tenho fotos muito desfavoráveis espelhadas por esse mundo do Google. Fazer o quê, os dias – assim como os ângulos – são uns melhores que outros. Não muda na-da na minha vida e absolutamente tudo, o bom e o ruim, passa.

 

Só a mania do julgamento é que demora a passar. Faz pouquíssimo tempo que compartilhei aqui a indignação de uma pessoa que viu na fan page uma foto minha sem maquiagem. Em minha defesa:
a) eu estava de batom.
b) eu estava mostrando o corte de cabelo.
c) ela não me conhece, senão saberia que eu não me preocupo com minha “imagem de blogueira”, coisa que na minha cabeça não existe.

 

A mulher real incomoda muito mais às outras pessoas reais do que qualquer über diva. É como se, mostrando nossa imagem ‘imperfeita’, estivéssemos roubando delas o sonho do glamour alcançado, as princesas Disney, o poder.

 

Amigas, maquiagem é muito legal, mas sai (tem que sair mesmo aliás, senão te deixa com a pele ruim a longo prazo, olha a ironia). Muito mais legal e duradouro é cultivar uma postura mais compreensiva em relação a outras pessoas. Guardar a lupa, as pedras e amaciar a língua.

 

Não é fácil, quando percebo também estou julgando, mas hoje em dia me policio muito mais. Eu nunca vou ser gentil comigo mesma se estiver sempre pronta pra despejar veneno a meu redor.

 

Estou arduamente tentando me aceitar. Se um dia o mundo for capaz de me aceitar também, o lucro é pra todo mundo.

 

E pra continuar o desafio, vou convidar três feras da maquiagem internética: Bruna Tavares; Karen Bachini e Rënatha Däewiez Davies. Mas, de boa, não esperem convite, não! Bora lá participar a vontade :)

 

Para saber mais sobre o manifesto, acesse Stop The Beauty Madness.

Para acompanhar as participações, procure pela hastag #StopTheBeautyMadness nas mídias sociais.



 
31.08.2014
beleza comportamento
0   
Se gostou desse post conta pros amigos!
Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someone
 
 

 
4   

Produtos Multitarefa: Quando uma Coisa é Uma Coisa e Outra Coisa é Outra Coisa

 

Multitarefa.
Certeza de que já ouviram falar sobre isso em relação ao trabalho de pessoas que exercem múltiplas funções em seus cargos. Ultimamente ouve-se ainda mais em relação a cosméticos.

Em ambos os casos, o importante é que sua função principal seja exercida de maneira excelente. Por exemplo, de que adianta se gabar que consegue acumular as tarefas que seriam cabíveis a outras 2 pessoas, tentando fazer bonito pra chefia, quando os resultados do seu trabalho são todos mais ou menos? Nenhum deles se sobressai, sendo apenas ‘aceitáveis’? Onde está a vantagem em ser um profissional mais ou menos em várias coisas, que nunca é excepcional em nenhuma?

Com produtos de beleza a ideia é exatamente a mesma. Não adianta na-da prometer limpar, tonificar, hidratar e proteger no mesmo frasquinho, se no fim o resultado é mais ou menos. O rosto não fica limpo o suficiente; mal e porcamente tonificado e longe de estar hidratado ou seguramente protegido. Sem contar que, provavelmente, os poros ainda podem acabar obstruídos, gerando outra série de problemas, como espinhas e comedões.

Então, atenção redobrada às promessas na hora de escolher. Olhos bem abertos na função principal daquilo que você compra, pra não jogar dinheiro fora e, principalmente, causar algum dano à sua pele/corpo.

02

 

Produtos Multiuso Fáceis de Encontrar nas Prateleiras

Veja bem

Loção Hidratante Desodorante - hidratação verdadeira e profunda com perfume intenso e duradouro? Hum. Seu hidratante precisa, acima de tudo, hidratar. Ter formulação com ativos que penetrem profundamente na pele e sejam capazes de reter a água lá por mais tempo. A parte perfumada você pode conseguir com uma loção perfumada; seu próprio perfume, enfim, de outras maneiras que não comprometam a função primária do produto, que é manter a umidade nas células.

Protetor Solar Com Cor de Base – se sua pele é normal ou seca, ótimo! Se jogue sem medo no produto, que pode substituir a base da maquiagem, eliminando aí uma camada de produto, aumentando a leveza. Porém, se tiver olheiras e manchinhas, esse tipo de protetor não vai eliminar o coretivo. Fique atenta para a cor dos produtos não brigarem no seu rosto.  Porém 2: peles mistas e oleosas raramente se dão bem com esses protetores, porque sua constituição é naturalmente mais densa e contém algum tipo de óleo, mesmo que em quantidades mínimas. Daí, já sabe: pele oleosa pede protetor E base completamente livre de óleo.

Shampoo Condicionador – coisa de menino, né? (rs) Raramente a gente perde a chance de escolher um shampoo + condicionador + máscara + leave in. Se bobear uma ampola pra usar semanalmente. Se vier em nécessaire especial, então, aí tem até saltitos de felicidade no corredor da loja.  A questão é de sempre: limpar e condicionar 100% com um produto só, será que rola mesmo, pra todos os tipos de cabelos?

Sabonete Hidratante – No corpo? Perfeito. No rosto? Passe longe, por favor. Limpe e hidrate com produtos próprios para seu tipo de pele. Publicidade tem poder, mas nossa inteligência também. Os testes feitos com um número X de pessoas não dizem se a pessoa X tem aquela área sensível como a sua; oleosa como a sua ou reativa como a sua. Se é para generalizar e lavar o rosto com sabonete, que seja um neutro, que se proponha apenas a limpar.

Sem medo de ser feliz

BB/CC Cream – inclua aí qualquer outra letra do novo alfabeto da beleza. É imensa a quantidade de produtos para pele que reuniram benefícios como hidratar, corrigir e proteger a face (entre outras muitas funções). Vistos com alguma desconfiança no princípio, hoje são itens inseparáveis no arsenal de beleza da mulherada. Uma de suas vantagens mais valiosas é: eles poupam tempo. Depois de demonstrar que são, sim, capazes de uniformizar a cor da pele e proteger com segurança, cada vez esse tipo de produtinho vem substituindo a base no nosso cotidiano, deixando a maquiagem completa, com produtos tradicionais e várias etapas, para ocasiões onde é possível dispensar uma atenção maior à aplicação. Há opções para todos os gostos, necessidades e bolsos. Vale super a pena garimpar o seu, ajuda demais na vida da mulher que vive correndo, ou seja, todas. (e se seu medo é reforçar a proteção solar ao longo do dia, minha dica é fazer isso com protetor em pó ;) )

Batom que vira sombra cremosa/ blush cremoso (e suas variações, blush que vira batom etc.) – taí uma mistura que vale a apostar. Como o uso é todo na mesma área (a face), os riscos de alergia sã reduzidos e a possibilidade de eficácia é alta.

Sombra na Misturinha do Esmalte – misturando bem, que mal tem?

Danger! danger! danger!

Colírio, diluente de esmalte, demaquilante e água de chuva na máscara para cílios – precisa dizer porquê???

 



 
08.08.2014
beleza compras
4   
Se gostou desse post conta pros amigos!
Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someone
 
 

 
4   

As Rugas e Eu: na Record

 

Semana passada fiz uma participaçãozinha no programa Hoje em Dia, da Rede Record. A pauta era Rejuvenescimento e as novas tecnologias disponíveis atualmente no combate às rugas e envelhecimento precoce.

A conversa foi bem legal, infelizmente ficou 90% na edição (hahahahaha). Como foi ao ar justamente no mesmo dia que uma tragédia invadiu os manchetes, 30 minutos foram dedicados ao telejornalismo e a matéria toda ficou bem resumida, uma pena.

Na edição ficou parecendo que eu fiz o ultrassom focado, mas não foi. Vou fazer um post (com fotos medonhas, do jeitinho que vocês gostam kkk) falando exatamente sobre o tratamento que fiz, que foi o laser Hérbium com Drug Delivery. Por hoje fiquem com o vídeo como foi ao ar:

Tamos aqui, na luta por uma fisionomia descansada :D

*também vou falar dessa máscara BABADO que a Dra. Valéria Campos demonstrou. Eu quero, pra ontem!



 
4   
Se gostou desse post conta pros amigos!
Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someone
 
 

 
0   

Musc Intense Narciso Rodriguez for Her

 

Houve um tempo, nos idos dos anos 1990, que musc era “a definição” de poder de sedução. A sensualidade era invariavelmente traduzida em fragrâncias almiscaradas.

De lá pra cá a dinâmica dos lançamentos ganhou velocidade e variedade e as opções da Perfumaria se multiplicaram em escala industrial. O musc é hoje apenas mais uma nota – uma nota ainda muito utilizada, é verdade – mas não reina mais absoluto na categoria das fragrâncias para seduzir. No trepidante in & out que envolve o desenvolvimento de perfumes, há hoje milhares de sutilezas na hora de sensualizar.

Resgatando esse passado de luxúria, o designer Narciso Rodriguez lançou sua Musc Collection, com Narciso Rodriguez for Her Eau de Parfum Intense.

Uma das marcas registradas de Narciso é manter em suas criações de moda a feminilidade sempre amparada pelo viés moderno. Suas mulheres são delicadas no traço clássico, mas  tem a medida de sofisticação que nosso tempo pede. 2014, minha gente, não há tempo para romances sem fundamento!

foto-(1)

A fragrância reflete esse olhar realista. Floral amadeirado almiscarado, imponente por definição. Sua saída é toda mulherzinha com flor de laranjeira africana, jasmim e uma sutileza de ylang ylang. Essa nuance quase inocente logo cede passagem para o coração encorpado, pleno de almíscar e âmbar, que resiste longamente até a chegada à base igualmente aquecida, com baunilha, vetiver, mel branco e madeiras.

Um perfume intenso, noturno e misterioso, que atrai e conforta ao mesmo tempo, com notas florais que surpreendem pela longevidade, provavelmente por estarem bem amparadas pelo âmbar, o próprio musc e as madeiras da base.

Fiquei encantada também pelo frasco, com uma transparência no vidro negro que leva a crer que o líquido em seu interior é metalizado. Uma ilusão, na verdade; mas é essa atração pelo improvável que seduz, não é mesmo?

Experimentação: Época Cosméticos Perfumaria
Narciso Rodriguez for Her Eau de Parfum Intense

*uma curiosidade: a indústria hoje utiliza amplamente o musk (almíscar), sintético e/ou vegetal (ambrette). O original, de origem animal, foi praticamente excluído da fabricação de cosméticos.



 
0   
Se gostou desse post conta pros amigos!
Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someone
 
 

 
5   

Pó Compacto 3 em 1 – BB CC DD com FPS 54 Anna Pegova

 

Sabe quando você realmente se surpreende com um produto? Aconteceu comigo.

Já falei de Anna Pegova no blog, sou admiradora e usuária de alguns produtos da marca, mas em questão de protetor facial em pó, eu achava que o mercado já tinha atingido seu máximo. Isso até ser convidada a experimentar a novidade, o Pó Compacto 3 em 1 – BB CC DD com FPS 54.

Não que eu me entusiasme com o novo alfabeto que tomou conta dos produtos de beleza. BB, CC, ZZ, a multifuncionalidade, na minha opinião, tem sido supervalorizada em muitos casos. Normalmente eu prefiro que um produto cumpra bem UMA função do que prometa 12 e não cumpra nenhuma de maneira eficaz. Com certeza encontrei nesse uma feliz exceção!

O Pó Compacto 3 em 1 – BB CC DD FPS 54 da Anna Pegova tem, sim, todas essas letras no nome, e fez bonito em cada uma das suas propostas.

 

01

Aqui a descrição oficial:

- BB: Blemish Balm de longa duração, que disfarça e cobre imperfeições sem pesar, reduz o brilho da oleosidade, conferindo um toque seco assim como um aspecto suave e aveludado, fazendo a maquiagem durar mais tempo;

- CC: Color Control rico em pigmentos extrafinos refletores de luz que unifica, fixa e corrige o tom da pele, promovendo um efeito antirrugas óptico e luminoso; que conferem maior cobertura e homogeneidade à pele;

- DD: Daily Defense que, graças a um antioxidante poderoso extraído das sementes do figo da Índia e a uma altíssima proteção UVA/UVB (FPS 54), protege diariamente do envelhecimento precoce e mantém a integridade das membranas celulares;

Um aspecto muito legal, que vale a pena ser ressaltado em comparação a outros protetores em pó compacto que experimentei é a textura. Enquanto outros pós compactos são ‘normais’, como qualquer pó, podem marcar linhas e acumular em pontos que você só vai perceber tarde demais, quando já está em evidência, o Pó Compacto 3 em 1 é finíssimo, tem textura micronizada, e deixa acabamento super aveludado, sem aparência empoada.

02
essa imagem tem a cor mais fiel

O fator DD oferecido, FPS 54, é bárbaro. Sério, facilita muito aqueles retoques necessários ao longo do dia – mancha provocada por tela de computador e/ou lâmpadas de escritório? Não mais! rs

A parte BB e CC do produto, que ajuda a homogeneizar a cor; pra minha cor de pele funcionou super bem (o meu é Bege Claro). Tenho saído usando ele e corretivo, em (muitos) dias em que estou com preguiça de base. Só não pode deixar de usar um hidratante facial depois de limpar a pele, pra não ressecar #truques

Aí chegamos a um ponto negativo: o produto só está disponível em 2 cores, Bege Claro e Bege Médio. Acho que isso podia ser melhorado, já que o Brasil tem público consumidor com muitas variações de tons de pele e a mulherada toda merece proteção com textura boa, né?

O preço é R$98 no site da marca. Não é baratinho, mas considerando que protetores solares (ainda mais em pó) são realmente mais caros, acho que o valor está dentro do praticado por marcas de maquiagem mega famosas e que vendem muito, mesmo cobrando valores superiores a esse em um pó compacto comum ou uma base. Pelo ponto de vista do investimento e benefício, acho que vale a pena.

Não falei do cheiro? É maravilhoso: não tem. hahahahaha
Quem me acompanha sabe que não gosto de produtos cheirosos pra face, quanto mais delicado melhor, afinal vamos passar o dia todo em contato com ele.

É isso gente, recomendo muito e certamente vai fazer parte da minha nécessaire por muito tempo.

Experimentação by: Anna Pegova



 
5   
Se gostou desse post conta pros amigos!
Share on FacebookTweet about this on TwitterPin on PinterestShare on Google+Email this to someone